Ponte derrota o São Paulo e acumula a terceira vitória seguida

Compartilhar

Na tarde de domingo (09) a Ponte Preta encarou o São Paulo no estádio Moisés Lucarelli em partida válida pela sétima rodada do Campeonato Paulista. O jogo terminou com vitória pontepretana pelo placar de 2 a 1. Com o resultado, a Macaca soma 12 pontos e ocupa provisoriamente a segunda colocação no Grupo C.

O próximo compromisso da equipe alvinegra será na quarta-feira (12) contra o Ituano no estádio Moisés Lucarelli, às 19h30 em partida atrasada da primeira rodada do estadual.

Lance de perigo contra o São Paulo

O Jogo:

Aos 2 minutos Pabon cobrou falta da intermediária e mandou por cima do gol. Aos 11, Pabon cobrou escanteio da esquerda e Antônio Carlos cabeceou pela linha de fundo. Dois minutos depois, Ademilson arriscou de fora da área a mandou para fora. Devido ao forte calor, o árbitro paralisou a partida aos 24 minutos para reidratação dos atletas.

A primeira chance da Ponte aconteceu aos 40 minutos, Silvinho cobrou escanteio da esquerda e César desviou para o meio, a zaga adversária tentou afastar, mas a bola ficou com Diego Sacoman que chutou por cima do travessão. Aos 44, Ademir recebeu lançamento na área e Rogério Ceni saiu bem do gol para defender.

Um minuto depois, Ademir cruzou da direita, a zaga tentou cortar, mas mandou nos pés de Silvinho, que girou em cima da marcação e bateu cruzado para abrir o placar no Majestoso. 1 a 0 para a Macaca. Sem mais lances de perigo, o primeiro tempo foi encerrado após dois minutos de acréscimos.

Silvinho comemora o primeiro gol do jogo

Na volta do intervalo, a Ponte atacou primeiro. Aos 3 minutos Tchô recebeu a bola na área, mas na hora do chute, o zagueiro adversário tirou a bola do pé do pontepretano. Aos 8, Osvaldo arriscou de fora e mandou pela linha de fundo. Dois minutos depois, Álvaro Pereira foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Rogério Ceni cobrou no meio do gol e empatou o jogo.

A resposta alvinegra não demorou a sair. Aos 14, Silvinho cobrou falta da direita e Alemão subiu alto para desviar de cabeça para o fundo da rede e recolocar a Macaca à frente do placar. 2 a 1 em Campinas.

Alemão comemora o gol da vitória da macaca

Aos 18 minutos Ademir recebeu na entrada da área e chutou forte para uma grande defesa de Rogério Ceni. A primeira mudança no time pontepretano aconteceu aos 19, Matheus Olavo entrou no lugar de Tchô. Como o calor não diminuiu durante a segunda etapa, o árbitro determinou uma parada técnica aos 23 minutos.

Ferrugem disputa com Rogério Ceni

O treinador Vadão promoveu a segunda alteração na Ponte aos 29, Ademir saiu para a entrada de Rossi. Três minutos depois, Ewandro chutou de fora da área e mandou ao lado da trave. Aos 35, Silvinho cobrou escanteio da direita, César testou firme e Rogério Ceni espalmou.

Aos 43 minutos, a terceira e última substituição na Ponte, Junio entrou no lugar de Alemão. Um minuto depois, Rossi invadiu a área pela esquerda, foi até a linha de fundo e chutou cruzado para fora. Sem mais lances de perigo, o jogo foi encerrado após três minutos de acréscimos.

Ficha Técnica:

Ponte Preta: Roberto; Ferrugem, César, Diego Sacoman e Magal; Alef, Fernando Bob e Tchô (Matheus Olavo); Ademir (Rossi), Silvinho e Alemão (Junio). Treinador: Vadão.
São Paulo: Rogério Ceni; Douglas (Luis Ricardo), Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Álvaro Pereira; Wellington, Souza (Ewandro) e Ganso; Ademilson, Osvaldo (Lucas Evangelista) e Pabon. Treinador: Muricy Ramalho.

Data: 09/02/2014, domingo – 17 horas.
Local: Moisés Lucarelli, Campinas-SP.
Árbitro: Marcelo Prietto Alfieri.
Auxiliar: Fábio Rogério Baesteiro e Risser Jarussi Corrêa.
Cartões Amarelos: Tchô (Ponte Preta); Souza, Álvaro Pereira e Rodrigo Caio (São Paulo).
Gols: Silvinho e Alemão (Ponte Preta); Rogério Ceni (São Paulo).

Deixe uma resposta