Guarani perde para o Inter por 2×0

Compartilhar

Mais de 9 mil torcedores compareceram ao Brinco de Ouro para apoiar o Bugre

O Guarani não suportou a forte equipe do Internacional e foi superado na tarde deste sábado (05), jogando no Brinco de Ouro. Eduardo Sasha e Claudio Winck marcaram os gols da vitória por 2 a 0 do time gaúcho. Com a derrota o Bugre caiu para sexto lugar no Campeonato Brasileiro da Série B e aguarda o final da rodada para saber sua colocação. O próximo confronto do alviverde é na sexta-feira (11), 19h15, no Estádio Bento Freitas, em Pelotas, contra o Brasil.

O Jogo

Sem Auremir, negociado com o futebol turco, o técnico Vadão optou pela mudança de esquema tático e o retorno do meia Fumagalli ao time. O Bugre entrou em campo para enfrentar o Internacional com: Leandro Santos; Lenon, Diego Jussani, Genilson e Gilton; Betinho, Evandro, Richarlyson, Bruno Nazário e Fumagalli; Eliandro.

A partida começou intensa e em uma infelicidade do zagueiro Klaus, o meia Bruno Nazário sofreu um grave ferimento no rosto e teve que deixar o gramado para a entrada de Luiz Fernando logo no início. Logo após o lance o Internacional abriu o marcador. Aos 25′, Sasha recebeu dentro da área, dominou e chutou na saída de Leandro Santos.

O Guarani tentava chegar ao campo de ataque porém não conseguia. A equipe gaúcha ocupava bem os espaços e era quem mais levava perigo na partida. Por duas vezes com Winck e Damião os gaúchos chegaram mas pararam no goleiro Bugrino. A segunda etapa começou com o adversário assustando novamente. Aos 2′, Damião ganhou de Betinho, driblou Leandro Santos mas o volante conseguiu se recuperar e tirar o que seria o segundo gol do Internacional.

O Bugre respondeu aos 8′. Gilton cobrou lateral para dentro da grande área, Richarlyson desviou e Danilo Fernandes espalmou. O Guarani havia melhorado mas os gaúchos chegavam no contra-ataque. Aos 15′, D’alessandro recebeu na frente da área e chutou com muito perigo.O alviverde respondeu no lance seguinte. Aos 16′, Luiz Fernando roubou a bola de Sasha e chutou muito perto do gol de Danilo Fernandes.

Vadão até tentou colocar Rentería e Kevin para mudar o panorama da partida. O Bugre melhorou porém foram os gaúchos que tiveram mais competência. Aos 34′, Nico Lopez fez a jogada e cruzou para Cláudio Winck sacramentar a vitória.

Homenagem
Antes do jogo o técnico Vadão recebeu uma homenagem por completar 200 jogos dirigindo o Guarani, ele recebeu uma placa comemorativa e uma camisa.

Galeria de Fotos
fotos: Álvaro Jr.

Ficha Técnica

Guarani Futebol Clube x Sport Clube Internacional
Estádio Brinco de Ouro, em Campinas – SP

Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique, Michel Correia e Carlos Henrique Alves de Lima Filho e Adriano Assis Miranda
Gols: Sasha aos 25′ do 1º T e Claudio Winck aos 34′ do 2º T
Cartões Amarelos: Guarani: Evandro e Genilson – Internacional: Uendel
Cartão Vermelho:
Público e Renda: 9.890 – R$182.925,00

Guarani Futebol Clube
Leandro Santos; Lenon, Diego Jussani, Genilson e Gilton; Betinho (Kevin), Evandro, Richarlyson, Bruno Nazário (Luiz Fernando) e Fumagalli (Rentería); Eliandro – Técnico: Vadão

Sport Clube Internacional
Danilo Fernandes; Claudio Winck, Cuesta, Klaus e Uendel; Edenilson, Rodrigo Dourado, D’alessandro (Charles), Sasha (Camilo), Pottker e Damião (Nico Lopez) – Técnico: Guto Ferreira

fonte: GuaraniPress

Deixe uma resposta