Com gol aos 48, Guarani vence Santo André no Brinco de Ouro

Compartilhar

Bugre divide liderança do Grupo com o Corinthians e tira invencibilidade do Ramalhão

Pela quarta rodada do Campeonato Paulista, o Bugre recebeu o Santo André e saiu com uma importante vitória por 2×1, não deixando escapar de vista a liderança do grupo D. A partida foi bastante truncada no meio campo, com as duas equipes marcando forte e tentando escapar nos contra ataques. Depois de abrir o placar, o Guarani recuou e viu a equipe visitante tomar as ações da partida. Mas dessa vez, os momentos finais foram decisivos a favor do Bugre, ao contrario do que vinha acontecendo nas duas ultimas rodadas.

O jogo

Os primeiros minutos de jogo foram melhores para o time de verde. A equipe de Tiago Carpini tomou conta da posse de bola, avançando bem pelos lados, levando perigo com cruzamentos. E foi com essa velocidade que Todinho invadiu a área e sofreu pênalti aos 25. Na cobrança, Rafael Costa deslocou o goleiro e abriu o marcador para o Guarani.

Depois do gol, o Bugre recuou. A equipe do Santo André avançou as linhas e passou a ter mais a bola no circulo central, dominando totalmente a partida chegando perto do empate. Em uma cobrança de escanteio aos 34, o Ramalhão conseguiu o que queria. Após cruzamento, a bola sobrou para Ramon, que livre, só empurrou para o fundo da rede.

Segundo Tempo

A bola voltou a rolar com muita participação da chuva. O jogo que já era truncado e pegado piorou na parte técnica em questão do piso molhado.  Mesmo assim, o Bugre tentava voltar a ter o domínio no campo de ataque. Porém, em duas vezes, deixou o Santo André perigar em dois contra ataques com Dudu Vieira. Vendo os sustos que o Ramalhão proporcionava, Carpini mexeu na equipe, tentando dar mais fluidez ao meio campo Bugrino, que começou a assustar Fernando Henrique com chutes de longa distancia.

Quando tudo parecia terminar com um ponto para cada lado, surgiu um escanteio para o Guarani aos 48. Na cobrança, a zaga tirou e a bola sobrou para Bidú, que ganhou a disputa com Garré e chutou forte de canhota. A bola desviou na zaga e enganou Fernando Henrique, que nada pôde fazer para evitar o gol da vitória do Bugre e a explosão de alegria no Brinco de Ouro.

Com os três pontos, o Guarani está empatado em todos os critérios no grupo D com o Corinthians, se mantendo na segunda colocação com sete pontos. E de cara, derrubou a ultima equipe 100% no Paulistão. Mesmo com a derrota, o Santo André continua líder com nove pontos da chave B, mas a frustração veio no fim, por saber que podia disparar ainda mais na liderança após os resultados negativos de seus concorrentes.

O bugre volta a campo na próxima Sexta Feira (7), as 19h15, em Barueri contra o Oeste. Enquanto o Ramalhão, Domingo (9), Recebe o São Paulo as 18h.

Ficha Técnica

Campeonato Paulista – Quarta Rodada – Guarani 2×1 Santo André

Domingo, 02 de Fevereiro de 2020 – Estádio Brinco de Ouro da Princesa, Campinas-SP

Guarani: Jefferson, Pablo, Romércio, Bruno Silva, Bidú, Deivid, Eduardo Person(Cristovam), Igor Henrique, Bady(Bruno Sávio), Junior Todinho e Rafael Costa(Mateusinho). Téc: Tiago Carpini

Santo André: Fernando Henrique, Ricardo Luz, Luizão, Rodrigo, Marlon, Paulinho, Branquinho(Douglas Baggio), Dudu Vieira, Rondinelly(Vitinho ), Ramon(Ronaldo) e Guilherme Garré. Téc: Roberto Fonseca

Gols: Rafael Costa e Bidú (Guarani), Ramon (Santo André)

Arbitro: Douglas Marques das Flores

Assistentes: Luiz Alberto Andrini Nogueira e Paulo César Modesto

Cartões Amarelos: Bady, Romércio e Alemão (Guarani)

Por: Anderson Pinheiro

Fotos: Renato Cesar Pereira

Deixe uma resposta