#MobilizaCampinas pretende arrecadar R$10 milhões para alimentar famílias em vulnerabilidade social

Compartilhar

Que tal ajudar famílias em vulnerabilidade social sem sair de casa? Esta é a proposta do movimento #MobilizaCampinas, que por meio da ajuda da sociedade e de uma rede de mais de 60 Organizações da Sociedade Civil (OSC), pretende distribuir cartões alimentação no valor de R$200,00 por mês para famílias socialmente mais vulneráveis e que tem a situação agravada com o avanço do Coronavírus e consequente diminuição das atividades econômicas.

Lançado pela Fundação FEAC, o #MobilizaCampinas já conta com o aporte inicial de R$5 milhões da própria fundação para ajudar 5 mil famílias mais vulneráveis de Campinas durante um período de cinco meses. Mas o desafio é muito maior e por isso, a meta é duplicar esse esforço e chegar a uma arrecadação de R$ 10 milhões para o atendimento de 10 mil famílias socialmente vulneráveis, com a ajuda da sociedade.

A porta de entrada para que as famílias recebam o cartão alimentação, que também pode ser usado para a compra de itens de higiene e limpeza, são as Organizações da Sociedade Civil parceiras da FEAC. 

São estas instituições sociais que estão nos territórios e possuem uma relação de proximidade e capilaridade com as comunidades e, dessa forma, estão qualificadas a indicarem quais são as famílias mais vulneráveis neste período de pandemia, segundo critérios estabelecidos pela equipe de profissionais da FEAC que elaborou a ação.

As doações – de qualquer valor – devem ser feitas pelo site www.mobilizacampinas.org.br , em uma conta da Fundação FEAC (Federação das Entidades Assistenciais de Campinas, CNPJ 46.002.176/0001-83, Banco Itaú (341), Agência 8484, Conta Corrente 01637-6)  ou por meio do pagseguro que está no site. 

Todo o valor arrecadado pelo movimento será destinado para as famílias em situação de vulnerabilidade social. O #MobilizaCampinas também busca parceiros institucionais para que o movimento chegue ao maior número de pessoas.

Mais informações: (19) 99155 3075/ (19) 98111-0345.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Hebe Rios

Editora-chefe

Deixe uma resposta