Medley/Campinas derrota Funvic/Midia Fone e se recupera na Superliga

Compartilhar

Time campineiro subiu aos 37 pontos e segue na luta pelo quarto lugar

O Medley/Campinas se recuperou bem na Superliga Masculina. No começo da noite deste sábado, o time campineiro derrotou o Funvic/Midia Fone, por 3 sets a 1 (25/18; 25/22; 21/25 e 25/18), no Ginásio Juca Moreira, em Pindamonhangaba – interior de São Paulo, em jogo válido pela nona rodada do returno.

Com o triunfo, os campineiros chegaram aos 37 pontos e seguem fortes na briga pelo quarto lugar, torcendo por um revés do Canoas contra o São Bernardo, no encerramento da rodada, na nesta noite, para terminar assumir de vez a quarta posição.

O Funvic/Midia Fone é o lanterna com 12 pontos. Marcos Pacheco, treinador do Medley/Campinas, não pode ficar na beira do campo, pois estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo e foi substituído no banco pelo auxiliar Marcel Matz. Quem também ficou de fora foi o líbero Alan, pelo mesmo motivo do técnico.

O ponta Renato Russomano atuou na função de líbero e ganhou o troféu Viva/Vôlei de melhor em quadra.

“Gostei muito pelo resultado positivo, num jogo difícil contra o Funvic/Midia Fone, que entrou em quadra sem muita responsabilidade. Oscilamos em alguns momentos, principalmente, no terceiro set, mas no geral fomos bem”, elogiou Marcel, que explicou a estratégia do time na saída de Alan.
“Tivemos que fazer uma pequena adaptação com o Renato (Russomano) de líbero, com o Diogo fazendo uma partida mais discreta no ataque – principal característica dele – mas muito bem no passe e no fundo de quadra”, completou.

O jogo -A alteração na ausência do líbero titular não mudou nada o estilo de jogo dos campineiros, que dominaram desde o começo. Com saque pesado e um bloqueio forte, o Medley/Campinas abriu seis pontos de vantagem no placar e só administrou o placar para vencer a primeira parcial.

No segundo set, o jogo ficou mais equilibrado e quente. No sétimo ponto dos campineiros, os mandantes reclamaram de uma invasão do oposto Rivaldo e o clima esquentou. Depois de muita conversa e reclamações dos dois lados, o Medley/Campinas botou a cabeça no lugar, acertou o braço no saque. Numa sequência de Diogo, os visitantes abriram cinco pontos, suficiente para levar a parcial, apesar da reação do Funvic/Midia Fone na reta final.

O Medley/Campinas foi quem correu atrás do resultado no terceiro set. Errando mais do que o costume, o time campineiro deixou o adversário crescer, ganhar confiança e diminuir o placar. No quarto set, Murilo e Diogo foram bem em suas passagens pelo saque e ajudaram o visitantes a abrirem quatro pontos. Com isso, Murilo Radke distribuiu bem as jogadas e ajudou a equipe levar a vitória para casa.

O Medley/Campinas tem dois jogos decisivos no Ginásio do Taquaral, que definirão o futuro da equipe na Superliga Masculina. Na próxima quinta-feira (28), o time recebe o Sada Cruzeiro, às 21h30. No sábado que vem (02), o adversário é o Vivo/Minas.

Medley/Campinas: Rodriguinho, Rivaldo, Jurquin, Diogo, Purificação, Gustavão e Renato Russomano (líbero).
Técnico: Marcel Matz (interino)

Entraram: Franco e Murilo Radke

Funvic/Midia Fone: Rodrigo, Bruno, Sérgio, Deivid, Renato, Breno e Tiago Brendle (líbero).
Técnico: João Conceição
Entraram: Alexsandro, Felipe, Rodrigo, Luis e Índio

Deixe um comentário