Ponte Preta vence o Náutico em Pernambuco e dorme na vice-liderança da série B

Compartilhar

Em tempos distintos, Macaca evolui no segundo e decreta importante resultado fora de casa

A Abertura da 16ª rodada da série B ficou por conta de Náutico e Ponte Preta, que mediram forças no estádio dos Aflitos, na noite quente dessa segunda feira (12). Os Pernambucanos traziam na bagagem uma sequência ruim, de cinco jogos sem saber o que é vitória, beirando a zona de rebaixamento. A Macaca, precisava do resultado para não abandonar o G4 e de cara, assumir provisoriamente a segunda colocação do campeonato. Bom para os campineiros, que com um bom segundo tempo, traz de volta para casa um triunfo importante para a continuidade da temporada.

O jogo

Em uma primeira etapa equilibrada em posse de bola, o Náutico, no geral, foi melhor. A única chance de perigo dos campineiros foi logo de cara, na jogada individual de Moisés, que finalizou para fora. Logo após, só deu Timbu. O erro das equipes se resumia em não caprichar no arremate, e o Náutico abusou disso. Erick teve duas oportunidades e mandou fora da meta. Kieza também teve seu momento e chutou longe. Sem mais jogadas, as equipes foram zeradas aos vestiários.

Segundo Tempo

A Ponte voltou bem melhor, com ímpeto e posicionamentos mais efetivos. A mudança de postura teve resultado aos 6 minutos, que em bom cruzamento de Peixoto pela direita, a bola encontrou a cabeça de João Paulo, que correu para o abraço. O Náutico sentiu o gol e demorou para criar jogadas para buscar o empate. Enquanto isso, outra bola alçada na área, foi a vez de Dawhan fazer o segundo e deixar a Macaca mais leve no jogo. Os mandantes tiverem um tento anulado, onde ali poderia mudar o jogo. O time murchou após a negação da bandeira e não teve mais forças para correr atrás do resultado. Ainda deu tempo de Moisés perder o terceiro gol. Depois de driblar o goleiro, o atacante chutou para fora.

E agora?

Com uma grande vitória, a Macaca vai dormir na vice-liderança da série B. Para se manter ali, precisa secar dois adversários, porém, terminará a rodada entre os quatro primeiros independente de qualquer coisa. Agora, voltará a campo só na outra terça feira (20), onde em casa, recebe a Chapecoense, ás 21h30. O Náutico joga no mesmo dia, mais cedo, contra o Oeste, na Arena Barueri.

Ficha Técnica

Campeonato Brasileiro (série B) – Décima sexta rodada – Náutico 0x2 Ponte Preta

Segunda feira, 12 de outubro de 2020 – Estádio dos Aflitos – Pernambuco

Náutico: Jeferson, Hereda, Rafael Ribeiro, Camutanga, Willian Simões (Kevyn), Rhaldney (Matheus Trindade), Jonathan (Paiva), Jean Carlos, Jorge Henrique (Dadá), Erick (Thiago Fernandes) e Kieza. Téc: Gilson Kleina.

Ponte Preta: Ivan, Apodi, Alisson, Luizão, Lazaroni, Dahwan, Neto Moura, João Paulo (Camilo), Moisés, Guilherme Pato (Bruno Reis) e Matheus Peixoto (Yuri). Téc: Marcelo Oliveira.

Gols: João Paulo e Dawhan (PON).

Cartões amarelos: Matheus Peixoto (PON). Willian Simões, Paiva, Jean Carlos e Camutanga (NAU).

Árbitro: Wanderson Alves de Sousa.

Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira e Fernanda Nândrea Gomes Antunes.

Por: Anderson Pinheiro

Deixe uma resposta