Fora o Baile! Ponte Preta é goleada pela Chape em confronto direto na série B

Compartilhar

Sistema defensivo da Macaca deixa a desejar inúmeras vezes no Majestoso; Chape dorme líder com 5×0 na bagagem

 Em noite chuvosa em Campinas, o Moisés Lucarelli foi palco para um dos jogos mais esperados da 17ª rodada da série B. Ponte Preta e Chapecoense marcavam um confronto entre equipes do G4, que certamente serão postulantes ao acesso até o final da temporada. Nesta terça feira (20), a Chape não tomou conhecimento da Macaca, e mesmo longe de casa, aplicou uma senhora goleada nos campineiros, culminando com a liderança do campeonato nacional. Os comandados de Marcelo Oliveira jamais flertaram com uma reação na partida e terão muito trabalho pela frente.

O jogo

Em números de posse de bola, a Ponte até foi melhor que a Chape, porém, não conseguiu transformar em chances de gols, João Ricardo jamais trabalhou. A Chapecoense adotou a estratégia de marcar alto e tentar ser eficiente na frente: Bingo! Com 7 no relógio, os visitantes já comemoraram. Em chute forte pela esquerda, Ivan espalmou e a bola sobrou para Mocellin abrir a contagem. Depois, aos 26, veio o segundo numa jogada ensaiada de falta, que terminou na rede balançada por Busanello. A Ponte não criava, era passiva e todos desceram para os vestiários com o 0x2 no placar.

Segundo tempo

A Macaca esboçou uma reação no início da segunda metade, mas logo foi frustrada. Em noite tenebrosa da defesa alvinegra, a Chape fez o terceiro num pênalti cobrado por Anselmo Ramon. Não parou por aí. Outra vacilada do sistema defensivo, Aylon escapou pela esquerda e o zagueiro Alisson, da Ponte, marcou contra, 0x4. A Macaca tentava algo, porém, não era noite, errava tudo que tentava. O placar parou de se mexer aos 42, com o quinto gol. Em contragolpe dos verdes, Lucas Tocantins saiu na cara de Ivan e fechou o marcador.

Próximos capítulos

Mesmo com a goleada histórica em seus domínios, a Ponte continua no G4 e observa os adversários abaixo encostarem na pontuação. Tentará a reabilitação fora de casa, contra o CRB, às 16h do próximo sábado (24). A Chape dorme líder. Ainda com um jogo a menos, os comandados de Louzer fazem boa campanha e secam o Cuiabá para manter a posição. Agora, em casa, medirá forças com o Operário-PR, um dia antes, às 21h30.

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro (série B) – Décima sétima rodada – Ponte Preta 0x5 Chapecoense

Terça feira, 20 de outubro de 2020 – Estádio Moisés Lucarelli – Campinas-SP

Ponte Preta: Ivan, Apodi (Zanocelo), Luizão, Alisson, Ernandes, Dahwan, Neto Moura (Bruno Reis), Camilo (Bruno Rodrigues), João Paulo, Moisés e Tiago Orobó (Guilherme Pato). Téc: Marcelo Oliveira.

Chapecoense: João Ricardo, Ezequiel (Guedes), Joílson, Luiz Otavio, Busanello (Aylon), Willian, Anderson Leite, Alan Ruschel, Paulinho Mocellin (Foguinho), Felipe Garcia (Lucas Tocantins) e Anselmo Ramon (Perotti). Téc: Umberto Louzer.

Gols: Paulinho Mocellin, Busanello, Anselmo Ramon, Lucas Tocantins e Alisson {contra} (CHA).

Cartões amarelos: Luizão e Dawhan (PON). Joílson, Busanello e Paulinho Mucellin (CHA).

Árbitro: Andrey da Silva.

Assistentes: Bárbara Roberta da Costa Loiola e Flávio Roberto Mineiro Ribeiro.

Por: Anderson Pinheiro

Deixe uma resposta