Com pênalti no fim, Ponte é derrotada pela Chape fora de casa e não vai a série A

Compartilhar

Com chances desperdiçadas e com polemicas, resultado mina as chances de acesso da Macaca

A rodada 36 da série B contou com um confronto importante na parte de cima da tabela. Chapecoense e Ponte Preta se enfrentaram na Arena Condá, nesta quinta-feira (21). A Chape, que já subiu, agora, tem o objetivo de erguer a taça da competição que será disputada ponto a ponto com o América-MG. Já a Ponte, ainda sonhava com o acesso em caso de vitória. O final feliz ficou mesmo em Chapecó. Pelo placar mínimo, os catarinenses superaram a Macaca de Fábio Moreno, que traz de volta a Campinas a lamentação do objetivo não alcançado.

O jogo

Partida movimentada na primeira metade. A Ponte, mesmo fora de seus domínios, começou melhor. Logo de cara, já houve uma polemica do pênalti não marcado em Dawhan. Depois, Camilo assustou a meta da Chape numa cobrança de falta. O ímpeto da Macaca caiu na parte final da etapa por conta da expulsão de Luan Dias, que tomou o segundo amarelo. A partir daí os mandantes começaram a entrar no jogo. Antes de todos descerem aos vestiários, a Chapecoense carimbou duas vezes a trave de Vinhas.

Segundo tempo

A Macaca voltou com a estratégia de se defender e explorar contragolpes pela falta de um homem. A equipe de Chapecó assustou mais duas vezes a meta do arqueiro pontepretano. A partida ficou em aberto quando Mocellin machucou e Louzer não pode fazer alteração, pois já havia esgotado as cinco. Com isso, Pato teve a chance clara para dar a vitória para a Ponte, porém, desperdiçou cara a cara.

Aos 50, Apodi cometeu pênalti em Roberto. Na batida, Perroti marcou o gol da vitória e colocou a Chape mais perto do título da série B. Enquanto isso, a Macaca jogará mais uma vez a segunda divisão na temporada 2021.

E agora?

Faltando dois jogos para o fim do campeonato, a Ponte Preta cumprirá tabela contra o CRB (domingo, 24), e encerrará sua participação contra o Figueirense na sexta feira (29). Os campineiros estão na oitava posição, com 51 pontos. A Chapecoense tentará o título com os seis pontos que lhe restam em disputa. Operário e Confiança decretam os últimos jogos da Chape, antes do retorno a série A. Equipe é líder, com 70 pontos, um na frente dos Mineiros.

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro (série B) – rodada 36 – Chapecoense 1×0 Ponte Preta – 17h45

Quinta feira, 21 de janeiro de 2021 – Arena Condá – Chapecó-SC

Chapecoense: João Ricardo; Matheus Ribeiro, Felipe Santana, Luiz Otávio e Alan Ruschel (Roberto); Willian Oliveira, Ronei (Peroti) e Denner (Bruno Silva); Mike (Aylon), Anselmo Ramon (Foguinho) e Paulinho Moccelin. Téc: Umberto Louzer.

Ponte Preta: Ygor Vinhas; Apodi, Luizão (Ruan Renato), Wellington Carvalho e Yuri; Dawhan (Neto Moura), Vinícius Zanocelo e Camilo (Pato); Luan Dias, Matheus Peixoto (Orobó, depois Moisés) e Bruno Rodrigues. Téc: Fábio Moreno.

Gol: Perroti (CHA).

Cartões amarelos: Luan Dias, Dawhan, Orobó, Ruan Renato, Bruno Rodrigues, Wellington Carvalho (PON), Alan Ruschel , William Oliveira, Paulinho Moccelin (CHA).

Cartão vermelho: Luan Dias (PON).

Árbitro: Rodrigo Batista Raposo.

Assistentes: Lehi Sousa Silva e Evandro Bender.

Por: Anderson Pinheiro

Deixe uma resposta