Na segunda também tem jogo, Chile goleia

Compartilhar

por Paloma Stuchi

Nesta segunda-feira (17), os torcedores de São Paulo receberam o jogo entre Chile e Japão. A equipe japonesa mostrou uma certa agilidade já nos primeiros minutos, Nakajima recebeu a bola no meio-campo e avançou até a entrada da área. O camisa 10 do Japão chegou a finalizar de esquerda, mas parou no goleiro Arias.

Depois desse lance, a equipe chilena mostrou superioridade com várias jogadas levando perigo, como a de Beausejour. O meia chegou pela esquerda e cruzou na área para Vargas, livre de marcação, que subiu para cabecear. A bola foi fraca nas mãos de Osako. Logo o placar mudou, o volante Pulgar recebeu a bola cruzada de Aránguiz na grande área, subiu e cabeceou forte no ângulo.

Na volta para o segundo tempo, a equipe do Chile voltou explorando o toque de bola e não demorou para que colocasse ela dentro do gol. Vidal apareceu dando um lindo toque de letra para Vargas na entrada grande área, que abriu com Isla, que devolveu para o atacante bater de primeira. A bola desviou na zaga japonesa, deixando sem chances o goleiro Osako.

O volante Shibasaki apareceu bastante no jogo, mas a equipe não o acompanhava. Ele cruzou uma bela bola para A. Ueda que, livre de marcação, chutou para fora. Por outro lado, a equipe do técnico Ruanda não desperdiçou a chance de abrir uma vantagem ainda maior.

Aránguiz recebeu a bola na linha de fundo, deu um corte rápido na marcação e cruzou na área para Sánchez que apareceu com tudo para cabecear. Sem querer dar chances para os japoneses, o Chi Chi lê lê lê funcionou mais uma vez. Desta vez o gol foi de Vargas, que recebeu a bola de Sánchez no campo de ataque e viu Osako adiantado. O atacante, com toda a sua experiência, chutou por cima para encobrir o goleiro japonês. Fim de jogo, uma goleada por 4×0 do Chile.

Deixe uma resposta