Copa do Brasil: Ponte Preta é derrotada pelo América-MG e dá adeus a competição

Compartilhar

Muitos erros e pouca criatividade são determinantes para a péssima noite da Macaca

A Arena Independência, na capital mineira, foi o palco do segundo jogo entre América e Ponte Preta, que duelavam por uma vaga nas oitavas de finais da Copa do Brasil. Após o 2×2 na partida de ida, qualquer outro empate nesta Terça feira (22), levaria o confronto às penalidades. Obviamente, quem vencesse, avançava. E esse feito ficou para os donos da casa, que não tomaram conhecimento da Macaca e carimbou a classificação para fazer parte dos 16 melhores da Copa Nacional.

O jogo

Na primeira etapa, só deu Coelho. Com menos de cinco minutos, Léo Passos desperdiçou duas chances de abrir o placar. A posse de bola continuava mais com os donos da casa, com isso, a Ponte Preta só chegava em eventuais escanteios e faltas para cruzamento: Todos sem sucesso. O tormento sequer parou. Teve bola na trave de Felipe Azevedo. Depois, o camisa 10 não vacilou. Em cruzamento pela direita, Azevedo cabeceou para fazer a rede balançar, 1×0. Pelo mesmo lado, em uma jogada parecida, saiu o segundo, desta vez de Alê. Enfim, vestiários.

Segundo tempo

O lado virou e o domínio continuou. A Ponte até tentou avançar a marcação para criar um abafa na saída de bola do Coelho. Ímpeto que caiu por terra aos 15, quando Bruno Reis fez pênalti em Diego Ferreira. Na cobrança, Rodolfo marcou o terceiro e minou as chances de reação dos campineiros. Ainda deu tempo de Apodi, lateral da Macaca, diminuir o marcador com um bonito gol. Banho Maria até o apito final e o América classificado para a próxima fase sem levar sustos.

E agora?

Com a eliminação, Brigatti e companhia focam apenas na série B, onde a equipe se encontra bem colocada. Tentará se manter no bolo de cima no próximo domingo, às 20h30, contra o Confiança, no Majestoso. O Coelho vai aguardar o sorteio da CBF para ver o adversário na próxima fase. Enquanto isso, também muda a chave para a série B, onde na sexta feira (25), enfrenta a Chapecoense, fora de casa.

Ficha técnica

Copa do Brasil – Quarta fase (Jogo da volta) – América-MG 3×1 Ponte Preta

Terça feira, 22 de setembro de 2020 – Arena Independência – Belo Horizonte MG

América-MG: Matheus Cavichioli, Diego Ferreira, Messias, Eduardo Bauermann, Sávio (Lucas Luan), Zé Ricardo, Juninho, Alê (Marcelo Toscano), Felipe Azevedo (Neto Berola), Léo Passos (Ademir) e Rodolfo (Guilherme). Téc: Lisca.

Ponte Preta: Ivan, Apodi, Alisson (Neto Moura), Welington Carvalho, Lazaroni (Ernandes), Luís Oyama, Bruno Reis, João Paulo, Moisés (Guilherme Pato), Bruno Rodrigues e Matheus Peixoto (Zé Roberto). Téc: João Brigatti.

Gols: Felipe Azevedo, Alê e Rodolfo (AME); Apodi (PON).

Cartões amarelos: Alê e Léo Passos (AME); Lazaroni, Luís Oyama e Neto Moura (PON).

Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade.

Assistentes: Fabiano da Silva Ramires e Cleriston Clay Barreto Rios.

Por: Anderson Pinheiro

Deixe uma resposta